Para quem gosta de Cotidiano

Cotidiano

“Para começar, o tempo nos dirá e nada como um dia após o outro.” Como no trecho da belíssima canção do Tiago Iorc, as decepções são inevitáveis e só dependem do tempo para serem curadas. A gente se decepciona com o péssimo resultado na escola ou no trabalho, com os imprevistos do dia a dia…

Quando eu tinha uns 11 anos, meu pai chegou em casa com a ideia de tirarmos as rodinhas da bicicleta. Afinal, eu e minha irmã já estávamos grandinhas para precisar delas. Só que a ideia não me agradou muito. Era tão bom andar daquele jeito, com aquela segurança. No entanto, a vontade de meu pai…

Cleuza acorda todos os dias às 5h. Prepara os filhos de 2, 3 e 5 anos de idade para levá-los à creche. Pega dois ônibus até lá e depois mais dois até o trabalho. O expediente vai até às 18h, servindo café, água e lanchinhos a executivos da empresa. Diante de tanta correria, hoje, ela…

Não ir ao rodízio de pizza na segunda-feira. Não usar a roupa nova para ir à faculdade. Não chorar de rir. Não curar o choro com um sorriso. Não dar bom dia no elevador. Não fazer vários nadas durante a semana. Não passear com seu cachorro. Não se afogar em um abraço. Não tomar banho…

Queria ser como aquelas pessoas que chegam e se despedem com uma facilidade invejável. Distribuem olá com alegria e aceitam o adeus com maestria. Que não se sentem nostálgicas em aeroportos e rodoviárias. Que chegam, aproveitam o momento e levam apenas boas lembranças. Não desejam ficar ou se sentem mal por partir, pelo contrário, nasceram…

Sempre me disseram que relacionamento para ser bom, é necessário leveza. Não pode pesar, não deve tomar mais espaço do que deveria, não é indicado que tenha mais sofrimento do que sorrisos. Mas aí, diante de tantas regras de como deve ser, eu nunca entendi muito bem que leveza era essa. Afinal, quando estou envolvida…

Eu tinha tudo para desistir. Decepções, relacionamento abusivo, indiferença, mau caráter e até um pouco mais. Trago tudo isso na bagagem. No entanto, por incrível que pareça, ainda não desisti. Ainda continuo acreditando no amor. Na forma mais simples e singela de amar, é claro, sem as ilusões dos contos de fadas. Continuo acreditando em…

Costuma-se dizer que ninguém é insubstituível. Pessoas vão e outras vêm. Posições que antes só eram ocupadas por alguns, de repente, são ocupadas por outros.  Tudo é passageiro e nada é insubstituível. Será mesmo? Não consigo pensar dessa forma, mesmo que os caminhos do cotidiano me mostrem o contrário. Não há como tratar pessoas como…